Os Dias Eram Assim – Final

Ontem foi ao ar o último episódio da série Os Dias Eram Assim que contava a história de amor de Renato e Alice. O último capitulo teve momentos lindos e emocionantes como o casamento de Nanda e Caíque na praia, a morte de Nanda e o adeus emocionante, o lançamento da ONG e a homenagem a todas as pessoas que já morreram de AIDS, a morte de Vitor e a loucura de Cora, o retorno de Gustavo e Rimena e a bonita reunião das famílias, e o grande final com Renato e Alice já velhos celebrando o amor e lembrando de como tudo começou. Mas com tantas cenas lindas o que mais me emocionou foi a maravilhosa passagem de tempo mostrando tudo o que já vivemos em nosso país como protestos para salvar a amazônia, a visita da querida princesa Diana, as vitórias de Ayrton Senna, o Brasil virando tetra na copa de 94, Michael Jackson, confrontos e protestos. Também foram mostrados eventos ao redor do mundo como a queda do muro de Berlim,  a morte da princesa Diana, evolução da tecnologia, queda das torres gêmeas e tsunamis. Tudo isso ao som de Legião Urbana cantando Índios. Na minha opinião essa foi uma das melhores produções que já assisti da Rede Globo!

Casamento na praia – Nanda e Caíque

Rimena e Gustavo comemoram retorno ao Brasil ao lado da família

Amor de Renato e Alice em tempos modernos

Alice e Renato envelhecem juntos

Renato e Alice terminaram unidos, cheio de amor em 2017 assim quando se conheceram em 1970.

Leia também:

Selena a guerreira de oração

“Lute por este rapaz!” Assim começa a história da personagem Selena conhecida como princesa dos lírios, mas que prefiro chamá-la de guerreira de oração e vocês irão saber do por que.

Tudo começou com uma boa ação no aeroporto. Selena foi bondosa e gentil e assim conseguiu chamar a atenção de Paul. O rapaz achou engraçado e interessante o fato da jovem não usar maquiagens. Mas como ele mesmo disse, ela não precisava disso. Ele também conseguiu de certa forma chamar a atenção da garota, e creio que não foi pela mochila ou chapéu estilo “Indiana Jones”. O rapaz permaneceu em seus pensamentos a tal ponto de incomodá-la. Por se sentir irritada e incomodada com a situação, afinal aquilo nunca havia acontecido antes e claro ela também estava preocupada com o fato de nunca ter paquerado ou namorado e gostaria muito de algum dia alguém a olhasse com outros olhos e dissesse o quanto ela era bonita. Seu pai e um amigo já haviam dito isso, mas não era a mesma coisa.

A jovem resolveu orar e entregar tudo nas mãos de Deus. Quem leu a série completa sabe da bonita amizade que nasceu entre os dois jovens. Mas não é sobre isso que quero falar hoje e sim sobre o fato de orarmos para aqueles que amamos, independente de quem quer que seja a pessoa, a situação em que ela se encontra ou o que possa acontecer futuramente.

Agora vamos conhecer um pouco sobre Paul. Paul é filho de pastor e nasceu e cresceu num lar cristão. Seu avô fora dono de um lindo castelo que antes de ser adquirido por ele fora um acampamento evangélico e agora pertencia a uma organização missionária.  Paul tem um irmão mais velho e ambos frequentaram o grupo jovem de oração (Amigos de Deus). Embora ele fosse de família cristã, ele estava envolvido com uma jovem não cristã.

Por Selena tentar abrir os olhos do rapaz, este a chamou de “guerreira espiritual”Ela continuou orando por ele e ele se sentiu tocado. Pouco a pouco as orações foram sendo atendidas, ele terminou o relacionamento e voltou a frequentar a igreja. Gosto muito da parte que menciona que ele a chama de “Minha Guerreira de Oração”. Isso me faz pensar que muitas vezes em nossas vidas Deus nos chama para o combate para lutarmos em favor dos nossos queridos. Existem muitas pessoas neste mundo que neste exato momento estão passando por algum tipo de dificuldade ou até mesmo enfrentando uma batalha espiritual.  Talvez esse alguém esteja afastado da igreja por algum motivo bobo ou até mesmo por estar envolvido com más companhias, ou ele esteja apenas precisando de um empurrãozinho ou estímulo para voltar. Queridos leitores, Deus sabe quem está ou não apto para o trabalho missionário. Quando você ouvir a voz de Deus chamando ou então sentir aquele desejo estranho de orar por alguém não fuja, lembre-se que Deus está usando você.  Talvez a resposta demore um pouco para vir, mas não desista porque a recompensa é certa.

Saiba mais sobre a personagem lendo os livros da Série Selena e Cris escrito por Robin Jones Gunn.

Leia também:

A Volta do “Karate Kid”

Karate Kid é um dos grandes clássicos dos anos 80 e agora irá voltar as telas em formato de série.  Ralph Macchio e William Zabka que interpretaram Daniel San e Johnny no filme original estão envolvidos no projeto da série que se chama  “Cobra Kai”. A série terá 10 episódios de 30 minutos cada e será exibida no YouTube Red, nova plataforma do site para produções originais.

Quem lembra do famoso logo da cobra no uniforme da academia Cobra Kai?

A história se passará 30 anos depois dos acontecimentos do primeiro filme. Johnny Lawrence, na busca pela redenção, traz de volta o famoso Cobra Kai e irá ensinar o filho de Daniel. Com isso, ele e Daniel voltam a ser “rivais”. Daniel San estará tentando levar uma vida equilibrada, agora sem a ajuda de seu grande mentor, Sr. Myagie que morreu e será algo central na trama.  A série também deve mostrar os dilemas e frustrações da dupla inimiga usando,  o karatê. “Cobra Kai” tem previsão de estreia para 2018.

Ralph Macchio e William Zabka

Ralph Macchio e William Zabka 2017