“Eu era neném não tinha talco, mamãe passou açúcar em mim…”

Alguns dias depois fui apresentada na igreja. Pra quem não sabe sou de família adventista. Nós adventistas do sétimo dia não temos o costume de batizar os bebês, por que de acordo com a bíblia o batismo é realizado quando a pessoa tem entendimento sobre o significado do batismo.

assim sendo as crianças são apresentadas na igreja da segunda forma: o pastor chama a frente os pais do bebê e apresenta a igreja. ele diz algumas palavras sobre educação e como educar o bebê nos caminhos do Senhor, em seguida ele pega o bebê no colo e ora pedindo as bençãos de Deus sobre o bebê. Depois ele cumprimenta a família e um parente ou amigo da família canta um hino em homenagem ao bebê. É muito lindo!

E comigo não foi diferente, fui apresentada na igreja de Barretos no dia 24 de Fevereiro pelo pastor Wilson Trigo.

E como todo bebê fui paparicada e mimada por todos; tanto de parentes e amigos que nos visitavam em casa como na igreja  pela mocidade.

Onde tinha uma roda de jovens, lá estava eu passando de colo em colo ( até os moços entravam na fila)!

A chegada do bebê

Meu nome é Rose Kelly, Rose em homenagem a minha mãe (Rose Ely) e Kelly por causa que acharam bonito mesmo.

Nasci no dia 11 de Fevereiro do ano 1979 em Barretos. Quando eu nasci meu pai que naquela época já gostava de cantar fez uma música pra mim (sua primeira composição).

Ele gravou a música numa fita k-7 e mostrou para os amigos, um deles inclusive era locutor de rádio e gostou tanto e achou legal que tocou ela na rádio.

Aqui vai a letra da música:

A Chegada do Bebê

Letra e musica de Braz Del Rey

O nosso lar ficou em festa com a chegada de um bebê,
É uma linda garotinha rico presente do céu,
O seu nome é Rose Kelly, em homenagem a mamãe,
O papai é tão feliz e fez pra ti esta canção!
Querida Kelly você enfeitou o nosso lar
Deu mais em nossa vida pra iremos te amar,
Querida Kelly  tesouro sem igual
É o orgulho da mamãe e a ternura do papai!