Jogando com as crianças

Como se aproximar dos filhos através do universo dos games? Confira nosso artigo e descubra como utilizar seu tempo livre para se divertir com as crianças!

Quanto tempo você passa com seus filhos? Com a rotina cada vez mais tumultuada e cansativa, muitos pais se deparam com um grande dilema no que se refere a separar um tempo para ficar com os filhos.

Aproveitar as horas livres para descansar pode ser importante para nossa saúde física e mental, mas também é preciso levar em conta quantas dessas horas são usadas para estarmos ao lado das crianças e tirá-las da frente dos celulares e computadores.

É cada vez mais comum encontrarmos famílias com pouco tempo de convívio entre si, onde cada membro da família está com os olhos vidrados em algum aparelho tecnológico ao invés de passar esse mesmo tempo conversando, brincando ou saindo para quebrar a rotina.

O que fazer para mudar essa situação? Se juntar à diversão dos filhos pode ser uma boa resposta. Confira nossas dicas abaixo e aproveite seu tempo livre junto da família:

  Games e Jogos

Com o avanço da tecnologia, o universo dos games tem tomado conta da nossa realidade e tornou-se impossível não ter o mínimo contato com esse mundo, mesmo que através dos nossos filhos e seus consoles, tablets, celulares e PCs.

O universo dos games é extenso e prende a atenção do jogador, mas também pode se tornar a diversão de toda a família. Por que não separar um tempo para mergulhar de cabeça no passatempo do seu filho e passar um tempo se divertindo com jogos e games virtuais?

Muitos games oferecem a possibilidade de jogar em dupla ou grupo, como os games de corrida, dança e esporte. São jogos para toda a família, ideias para os pais que não tem muita experiência com esse universo.

Também é válido apresentar ao filho uma opção mais convencional de game, como por exemplo através de um Jogo da memória folclore ou Quebra Cabeça Folclore. Afinal, a maior parte das brincadeiras brasileiras atravessaram as gerações quando passadas de pai para filho.

Jogando com as crianças
Foto: Araquarela

Jogar com as crianças é uma ótima forma de se aproximar dos filhos e passar um tempo em família. Invista nessa ideia!

5 Brincadeiras do seu tempo para fazer com seu filho

Você acha que as crianças de hoje em dia não sabem mais se divertir sem um celular? Talvez seja hora de ensinar para seus filhos aquelas brincadeiras antigas que você costumava fazer!

Veja algumas dicas de brincadeiras que eles vão amar:

1. Brincadeira de roda

Brincadeiras para seu filho

Foto: Unsplash / Mi Pham

Apesar de ser uma brincadeira antiga, ela ainda é vista em escolas, buffet infantil em SP, parques e outros lugares: “Ciranda, Cirandinha”, “Atirei o Pau no Gato” e outras canções de roda ainda são populares e ótimas opções para ensinar às crianças!

2. Peteca

Muitas pessoas utilizam a expressão “não deixar a peteca cair”, mas algumas crianças não conhecem o jogo que a originou. Você só precisa de uma peteca para ensinar seus filhos a brincar!

3. Passa-anel

Essa brincadeira é ótima para fazer em um aniversário em um buffet infantil, porque é legal de brincar em grupos grandes: todos ficam com as mãos unidas e esticadas para frente, em formato de concha. Quem está com o anel (ou botão, ou qualquer objeto pequeno), com as mãos fechadas, o passa para alguém. Então, o grupo tem que adivinhar com quem está o anel.

4. O Mestre Mandou

Outra brincadeira de sucesso, O Mestre Mandou coloca uma das crianças como mestre, e as outras devem realizar as tarefas que ele pede. Só tome cuidado para que a brincadeira seja justa e divertida para todos.

5. Pular corda

Uma brincadeira que gasta muita energia e que, ao mesmo tempo, é uma ótima atividade física. Você só precisa ter uma corda para ensinar seu filho a pular, mas a brincadeira é mais divertida quando tem mais crianças e duas podem bater a corda enquanto a terceira pula. Você pode ensinar as músicas que cantava na infância!

Seja em um buffet infantil na Zona Sul, no parque, na escola ou em casa, essas brincadeiras sempre fazem sucesso com os pequenos, porque são divertidas e despertam a imaginação!

Com qual frequência devo levar meu filho ao dentista?

A visita de check-up ao dentista é essencial para preservar a saúde bucal. Este exame de rotina deve ser feito regularmente para prevenir doenças nos dentes e gengivas. Qual é a frequência recomendada de visitas ao dentista e quais critérios são levados em consideração?

Saúde Bucal Infantil

Foto: Pixabay / Renata Ferro

No caso das crianças o recomendado é que visitem o dentista infantil para um check-up dental pelo menos duas vezes por ano. Algumas crianças precisam de visitas ao dentista com mais frequência por causa de um risco aumentado de cáries, os padrões de crescimento incomuns ou má higiene oral. Seu dentista para criança saberá aconselhar de acordo com as características de seu filho.

Por que visitar o dentista duas vezes por ano quando o meu filho nunca teve uma cavidade?

Visitas regulares ao dentista ajudam seu filho a ficar sem cáries. A limpeza dental remove detritos que se acumulam sobre os dentes, irritam as gengivas e causam a cárie, com tratamentos de flúor é possível renovar o conteúdo de flúor no esmalte, fortalecendo os dentes e prevenindo das cáries. As instruções de higiene melhoram a escovação e uso do fio dental do seu filho, levando a limpar os dentes e gengivas corretamente.

Saúde Bucal Infantil

Foto: Pixabay

A cárie dentária não é a única razão para uma visita ao dentista. Seu dentista pediátrico fornece uma avaliação contínua das mudanças na saúde bucal de seu filho. Por exemplo, seu filho pode precisar de flúor, mudanças na dieta ou informações adicionais para a saúde dental ideal. O dentista pode identificar problemas e sugerir o tratamento ortodôntico para que os dentes cresçam saudáveis.

O que acontece em um check-up dentário de crianças?

O dentista infantil irá rever a história médica e odontológica do seu filho. Eles examinam cuidadosamente os dentes, tecidos, maxilar e mandibular do seu filho. Além de ensinar as crianças sobre a importância da limpeza e alimentação para que possam ter um lindo sorriso.

 

Portanto, para que a saúde bucal de seu filho esteja sempre em dia acompanhar a odontopediatria é fundamental!