Ted Spencer e os testemunhos

Já fazia algum tempo que eu queria fazer um post sobre o personagem Ted da série Cris,mas recentemente li uma questão levantada no grupo “Tesouros Peculiares” que me fez abrir a mente melhor e hoje irei falar e mostrar um pouco sobre este personagem especial e  tão querido para as leitoras da série.

Muitas meninas tem exagerado e até mesmo quase que idolatrado este personagem colocando ele no patamar de Deus grego. Afinal um cara bonitão com cabelos loiros e olhos azul – prateados, surfista e super cristão; ele parece ser o cara perfeito e o namorado que toda garota gostaria de ter. Mas será que ele é perfeito mesmo? Será que ele é um garoto cristão de nascença? Vamos conhecê-lo um pouco melhor.

Ted Spencer ou Ted para os íntimos é filho de pais separados. Sua mãe mora em Tallahasee e seu pai em Newport Beach. Como todo filho ou filha de casal separado ele se divide para conviver com ambos, durante o ano letivo ele mora com sua mãe e nas férias e feriados mora com o pai. Quando jovens os pais de Ted foram hippies. Ted é surfista e como todo surfista usa gírias da tribo para se comunicar e se expressar. Seus melhores amigos são Douglas, Trícia, Kimo um amigo de infância que se converteu após um acidente de surf  e Sam que também  era surfista e morreu de overdose por estar drogado e tentar surfar. Ted também já usou drogas como maconha, mas abandonou o vicio após se converter e aceitar a Jesus como seu salvador. Ao longo do tempo ele descobre sua grande vocação que é ser missionário e pregar o evangelho em terras distantes. Ele também gosta de conversar sobre assuntos bíblicos e dar conselhos.

O que mais me chama a atenção na história de Ted é que mesmo depois dele ter se tornado cristão, ele não abandonou seus amigos e tentou ajudar e mostrar para eles qual era o caminho certo. Ele também testemunhou para outras pessoas como a nossa personagem principal (Cris Miller) que se converteu através do bom exemplo de Ted e seus amigos (Douglas e Trícia). Cris também testemunhou para as suas amigas Paula, Katie e Alissa que mais tarde descobre estar grávida. Alissa era uma garota fútil que na verdade vivia de fachada, ela era totalmente infeliz e já havia tentado se matar, pois seu pai havia morrido de câncer pulmonar e sua mãe era uma alcoólatra. A mãe de Alissa é levada para uma clinica de recuperação e ela vai viver com a avó em Boston.  Quando Alissa descobre estar grávida a principio pensa em abortar o bebê, mas depois ao se lembrar de Cris e seus conselhos e testemunhos resolve buscar a Deus.  Ela começa a ler a bíblia e procura ajuda num centro de gravidez de risco, lá ela conhece outros cristãos e por intermédio deles vai à igreja. Ao final Alissa entrega o bebê para um casal cristão e aceita a Jesus como seu salvador.

Vocês podem estar se perguntando o que isso tem a ver com o Ted? A resposta é simples e clara; tem tudo a ver! Ted não era um cristão perfeito, ele não era um filho de pastor, não tinha cargo na igreja que ele frequentava. Ele era um garoto comum que gostava de surfar, se divertir com seus amigos e até mesmo de paquerar. Sua família também não era perfeita, seus pais não viviam juntos e ele era o único cristão na família. Por ser um rapaz bondoso e educado ele era muito querido por todos. Através de seu testemunho ele converteu muitas pessoas.

Muitas vezes as pessoas como nossa família, por exemplo, não entendem porque nós nos relacionamos com pessoas não cristãs e diferentes de nós. Mas Deus em sua infinita bondade nos permite que certas coisas aconteçam em nossas vidas para podermos ajudar e testemunhar para aqueles que ainda não conhecem a Deus. Tudo começou com um simples rapaz que também foi levado a cristo através de outros cristãos então ele abandonou o vicio e se tornou um novo ser. Queridos, o mundo está cheio de pessoas como Sam, Paula e Alissa. Elas estão perdidas e precisam de ajuda e orientação para encontrar o caminho certo que leva a salvação. Vamos deixar o orgulho e o preconceito de lado e fazer aquilo que Jesus ensinou. Já testemunhou para alguém hoje?

Conheça mais sobre este personagem lendo a Série Cris e Série Cris e Ted escrita por Robin Jones Gunn.

Salvar

Salvar

Salvar

Salvar

Salvar

Leia também:

Lições de vida

Você já viveu alguma situação turbulenta na tua vida e se perguntou por que tudo aquilo estava acontecendo com você e depois que a tempestade se foi você conseguiu entender o porquê de tudo?

life

Muitas vezes Deus permite que certas pessoas ou certas coisas aconteçam na nossa vida para nos ensinar algo de bom.  Nada na vida é por acaso tudo tem um motivo e uma razão de ser. Recentemente passei uma experiência muito forte e intensa que se tivesse acontecido em outras épocas da minha vida o final poderia não ter sido muito bom.  Ela me ensinou muita coisa boa que levarei para o resto da minha vida.  Amar e aceitar as pessoas do jeito que elas são,  não julgar antes de conhecer, cada pessoa tem uma história de vida que a tornaram do jeito que elas são hoje, manter a calma e paciência nos momentos tensos, cada pessoa tem seu lado bom saiba aproveitar isso e você irá aprender coisas maravilhosas com ela, por ultimo e mais importante de todos; após o termino de uma relação guarde somente os momentos bons. Quando você guarda na memória  coisas ruins de alguém e fica remoendo e lembrando isso te faz mal a saúde. Como diz o ditado: recordar é viver e quando recordarmos seja coisas boas ou ruins revivemos tudo novamente. Lembre-se o mundo dá voltas e nunca se sabe se algum dia você irá encontrar aquela pessoa novamente. Respire fundo, pense positivo e siga em frente. Deseje somente coisas boas e positivas e seja feliz!

Leia também:

A ovelha perdida

Esse texto foi escrito num momento bem delicado da minha vida, espero que gostem!

ovelhinhas amor

Era uma vez um jovem pastor que possuía um lindo rebanho de ovelhas. Neste rebanho havia ovelhas de todos os tipos e raças, mas havia uma em especial que mesmo estando entre suas colegas se sentia solitária. Certo dia ela se afastou de suas companheiras e saiu a passear para conhecer outros bosques.

Ela andou e viu muitos outros animais e também outros pastores e outros rebanhos a pastorear.  De repente ela avistou algo que lhe chamou a atenção, era um lindo carneirinho.

Juntos eles brincaram, pastaram, beberam da água do riacho e descansaram. Os dias foram se passando e o pastor daquela linda ovelhinha procurava por ela dia e noite.

A ovelhinha sentia saudade do seu dono e de suas companheiras, mas não queria abandonar seu novo amigo. Ela sempre falava para ele sobre o seu pastor de como ele era bom e como seu aprisco era limpinho e confortável.  O carneirinho ficou feliz em saber que havia alguém muito bom e amável que cuidava com muito carinho da sua amada ovelhinha. Por ela contar com tanto amor e carinho de seu pastor o carneirinho sentiu o desejo de ir junto com ela e voltar para o aprisco e rebanho. Quando o jovem pastor encontrou a sua ovelhinha perdida ele deu um lindo sorriso, pois junto dela estava um belo carneirinho de cor negra! O pastor tomou com todo o cuidado e carinho o carneirinho em seus braços e o levou para o aprisco seguro.

Essa história ilustra o amor de DEUS por nós. Ele é o nosso pastor e nós somos as suas ovelhas. Ele possui um grande rebanho, mas assim como o carneirinho existem muitas pessoas perdidas no mundo que algum dia no passado se afastaram de Deus.  O pastor ainda continua procurando por suas ovelhas perdidas e fica muito feliz quando as encontra principalmente quando recebe novas ovelhas e carneirinhos em seu aprisco.  Assim como o pastor não devemos maltratar as pessoas ou julga-las pela sua aparência ou qualquer outro tipo de coisa, devemos recebê-las e trata-las com muito amor e carinho. Deus ama a todos !

 

 

Leia também: