Amor não correspondido

Por que mesmo quando eles não falam com a gente ou nos ignoram nós ainda pensamos neles, oramos e nos preocupamos? O que isso realmente significa? Que sentimento é esse que não conseguimos decifrar? Será que isso é aquilo que chamam de amor? Será que amor realmente é isso, gostar ou amar alguém que não sente o mesmo por você? Isso é muito triste e totalmente injusto. Ontem senti Deus falando comigo e então vi que eu não sou a única pessoa a sofrer desse mal. Jesus quando esteve aqui na terra foi incompreendido, ignorado e desprezado por muitos. Mesmo tendo seu amor não correspondido ele continuou amando incondicionalmente aqueles que o desprezavam. Ele continuou vivendo sua vida dando atenção e amor para aqueles que o procuravam e dedicou seu tempo ao seu ministério para o qual ele havia sido enviado.  Assim como nós, ele sofreu por amor e entregou sua vida…hoje muitos anos depois ele ainda continua olhando por todos aqueles que não o aceitaram. Ele ama a todos incondicionalmente e espera de braços abertos aqueles á quem ele muito amou.

Se você também está vivendo algo parecido, não fique triste ou desanimado. Jesus passou por tudo e entende sua dor. O amor que ele tem para você é melhor do que qualquer sentimento pequeno e mundano. Não é uma paixão passageira é um amor infinito maior do que o universo! Guarde aquela pessoa no coração e continue sua caminhada. Existem muitas pessoas legais que gostariam de ter um pedacinho da sua atenção, amigos, família e acredite Deus tem alguém muito especial para você; saiba esperar com paciência. Deus tem grandes planos para você!

 

 

Os Dias Eram Assim – Final

Ontem foi ao ar o último episódio da série Os Dias Eram Assim que contava a história de amor de Renato e Alice. O último capitulo teve momentos lindos e emocionantes como o casamento de Nanda e Caíque na praia, a morte de Nanda e o adeus emocionante, o lançamento da ONG e a homenagem a todas as pessoas que já morreram de AIDS, a morte de Vitor e a loucura de Cora, o retorno de Gustavo e Rimena e a bonita reunião das famílias, e o grande final com Renato e Alice já velhos celebrando o amor e lembrando de como tudo começou. Mas com tantas cenas lindas o que mais me emocionou foi a maravilhosa passagem de tempo mostrando tudo o que já vivemos em nosso país como protestos para salvar a amazônia, a visita da querida princesa Diana, as vitórias de Ayrton Senna, o Brasil virando tetra na copa de 94, Michael Jackson, confrontos e protestos. Também foram mostrados eventos ao redor do mundo como a queda do muro de Berlim,  a morte da princesa Diana, evolução da tecnologia, queda das torres gêmeas e tsunamis. Tudo isso ao som de Legião Urbana cantando Índios. Na minha opinião essa foi uma das melhores produções que já assisti da Rede Globo!

Casamento na praia – Nanda e Caíque

Rimena e Gustavo comemoram retorno ao Brasil ao lado da família

Amor de Renato e Alice em tempos modernos

Alice e Renato envelhecem juntos

Renato e Alice terminaram unidos, cheio de amor em 2017 assim quando se conheceram em 1970.

Como surgiu o dia dos namorados

Enfim chegou o dia dos namorados. Aquele dia que todo mundo publica as fotos do seu amor com um textão com palavras bonitas e enormes declarações de amor. O dia que todo mundo troca presentes caros e bonitos e depois ostenta nas redes sociais.

Mas você sabe como surgiu essa data tão especial? Nos Estados Unidos o dia dos namorados é conhecido como dia de São Valentim em homenagem ao padre Valentim que lutou contra as ordens do imperador Claudio II, que havia proibido o casamento durante as guerras acreditando que os solteiros eram melhores combatentes. Padre Valentim celebrou casamentos secretamente e foi condenado a morte por se recusar a negar a sua fé. Enquanto ele estava na prisão aguardando sua sentença, padre Valentim se apaixonou pela filha de um carcereiro que era cega. Milagrosamente, ele devolveu-lhe a visão. Antes de morrer, ele escreveu uma mensagem de adeus para sua amada e assinou como “seu namorado”. Padre Valentim então se tornou mártir da igreja Católica e o dia 14 de fevereiro é o dia de sua morte.

São Valentim

Outra versão diz que no século XVII, ingleses e franceses passaram a celebrar o Dia de São Valentim como a união do Dia dos Namorados. A data foi adotada um século depois nos Estados Unidos, tornando-se o Valantine´s Day. E na Idade Média, dizia-se que o dia 14 de fevereiro era o primeiro dia de acasalamento dos pássaros. Por isso, os namorados da Idade Média usavam esta ocasião para deixar mensagens de amor na soleira da porta da amada.

Já no Brasil a história é diferente. O dia dos namorados é comemorado em 12 de junho e quem teve a ideia foi o publicitário João Dória que trouxe a ideia do exterior e apresentou aos comerciantes. Como o mês de junho tem vendas baixas, eles decidiram comemorar essa data nesse mês e escolheram a véspera de Santo Antônio que é o santo casamenteiro como o dia dos namorados. Então a partir de 12 de junho de 1949 essa data foi comemorada em todo o Brasil.

 Anúncio publicitário sobre o dia dos namorados década de 40.

Não importa a data e nem onde você esteja. Celebre o amor todos os dias, pois todos os dias é dia dos namorados. Não existe presente maior do que ouvir da pessoa amada palavras de amor e carinho como “Eu te amo”. Viva, ria, ame! Ninguém é prometido para amanhã.